O que é marketing conversacional e como aplicá-lo

Time Suri by Chatbot Maker
19/12/2022

Nos últimos anos houve uma mudança drástica na forma com a qual os consumidores compram bens, serviços e no que esperam das marcas. O cliente atual tem pressa e compra sob demanda, ou seja, também exige personalização

São clientes que esperam ser respondidos agora, não depois. Para atender essas necessidades e também pelo surgimento de novas tecnologias, foi criado o marketing conversacional: uma forma de usar conversas atraentes para alavancar as vendas e aprofundar a conexão com o cliente.

Quer saber mais sobre o assunto? O time Suri reuniu tudo que você precisa saber para ficar por dentro, é só ficar com a gente até o final. 

O que é marketing conversacional?

O marketing conversacional, também conhecido como marketing de conversa ou marketing de conversação, é uma estratégia que usa o poder do diálogo para oferecer ao cliente uma experiência única durante o atendimento. 

É uma forma de marketing digital feita para expandir os negócios conectando-se agora com os clientes que estão interessados neste exato momento - o que, muitas vezes, cria mais oportunidades de conversões ao mesmo tempo que diminui o ciclo de vendas. 

Tudo isso geralmente é feito por meio de chatbots que desenvolvem conversas atraentes, realizadas em tempo real, que envolvem os visitantes do site ou usuários das redes sociais para guiá-los rapidamente pela jornada de compra.

Exemplos marketing conversacional

Chatbot nas redes sociais (WhatsApp, Instagram, Messenger)

Trecho de uma conversa em chat com a Suri

Os brasileiros passam cerca de 4 horas conectados às redes sociais todos os dias. Em adição, segundo pesquisa feita pela Panorama Time/Opinion Box, no WhatsApp, que é o app mais popular no Brasil, cerca de 80% dos usuários utilizam o aplicativo para entrar em contato com marcas.

Por isso, faz todo sentido que o uso de chatbots com inteligência artificial para o atendimento ao cliente tenha se tornado tão popular nesses canais de comunicação.  É a premissa “esteja onde o cliente está”, na prática. Além disso, nas redes sociais, os usuários possuem ainda menor tolerância para esperar por respostas - o que aumenta ainda mais o valor de fornecer respostas instantâneas. 

Live chat em sites de comércio eletrônico

O live chat é uma estratégia de marketing de conversação que usa um software de bate-papo ao vivo para se comunicar com os consumidores - sabe aquela caixinha de conversa que abre quando você entra em alguns sites? É isso! É uma forma de fornecer atendimento e suporte ao cliente em tempo real, além de utilizar o fluxo de conversa para instigar ações em usuários que, inicialmente, poderiam ter a intenção de apenas visitar o site. 

Conversational landing page

As landing pages conversacionais (conversational landing pages, em inglês), são páginas criadas com o objetivo de estimular a conversação com o usuário, seja para esclarecer dúvidas ou instigá-lo a fazer alguma ação. Para isso, são usados chatbots que interagem com o usuário por caixas de bate-papo ao vivo ou ser inteiramente dedicadas à interação do usuário.

Neste caso, geralmente são misturadas estratégias de marketing de conteúdo com marketing de conversação. 

Vantagens do marketing conversacional com chatbots

O marketing conversacional é uma forma efetiva de criar uma experiência autêntica que constrói relacionamentos profundos com clientes e compradores. É uma estratégia que entende o poder do diálogo para melhorar o relacionamento com o cliente. 

A seguir, entenda as principais vantagens do conversational marketing:

Conversas personalizadas

A inteligência artificial presente em alguns chatbots, como a Suri by Chatbot Maker, permite que o bot aprenda à medida que interage com os clientes. Ou seja, a cada conversa, novas informações são aprendidas para resultar em conversas cada vez mais personalizadas. 

E isso é uma exigência do cliente atual:  segundo uma pesquisa feita pela Microsoft, 72% dos clientes esperam que, durante o atendimento, a empresa saiba quem o cliente é, o que ele comprou e tenha insights sobre as conversas anteriores. 

Qualificação de leads

A qualificação de leads é uma das maiores vantagens do marketing conversacional e, também, um dos seus grandes objetivos. Por isso, é importante utilizar o diálogo para descobrir de forma precisa o que o cliente precisa, responder todas as suas dúvidas e mapear assertivamente o que ele deseja.

Influenciar na decisão de compra

O marketing de conversação possui inúmeras vantagens, como fechar mais vendas. Isso acontece por dois motivos: primeiro porque relações profundas e positivas com clientes já existentes geralmente resultam na atração de mais consumidores. É o que chamamos de marketing de indicação

Segundo porque um bom atendimento, rápido, ágil, instantâneo e personalizado, também ajuda a acelerar a decisão de compra. 

Otimização do tempo

Ao assumir o controle das tarefas repetitivas, o chatbot libera o seu time de atendimento para lidar com demandas mais complexas. Além disso, o atendimento 24 horas por dia e as respostas automáticas geram uma agilidade enorme nos processos. Em resumo: sua empresa faz muito mais em menos tempo. 

Como aplicar o marketing conversacional na sua empresa?

Gostou da estratégia e quer saber como usá-la na sua empresa? Aqui vão algumas dicas: 

1. Tenha a Suri na sua empresa 

As vantagens de ter um chatbot para o WhatsApp Business API são inúmeras e é essa ferramenta que vai viabilizar diversas estratégias de marketing conversacional na sua empresa. Com a Suri, você:

  • Tem acesso aos serviços do chatbot com inteligência artificial.
  • Tem acesso aos relatórios e estatísticas para tomar decisões inteligentes.
  • Automatiza tarefas repetitivas.
  • Ganha agilidade no atendimento.
  • Fica disponível 24 horas por dia.
  • Centraliza os processos em uma plataforma de atendimento

Por isso, já sabe: se quer chegar no próximo nível de atendimento ao cliente, entre em contato com o nosso time.  

2. Troque formulários por conversas

Formulários são ferramentas importantes para descobrir informações valiosas sobre o seu público - porém, muitas vezes, podem se tornar um pouco impessoais. Quem nunca sentiu preguiça de preencher um formulário, não é mesmo? 

Não é preciso abandonar completamente o uso desse recurso, mas tenha em mente que descobrir informações a partir de conversas com seus clientes (possível em escala maior com o uso de chatbots) pode ser uma forma mais efetiva de pesquisa. 

3. Seja rápido

Deixar o cliente esperando por uma resposta aumenta muito as chances de quebrar o fluxo da conversa e possivelmente falhar na estratégia de marketing conversacional. A agilidade, para este tipo de abordagem, é uma das coisas mais importantes. 

4. Conheça seu público

O que os seus leads procuram? Sobre o que eles desejam conversar? Quais as maiores dúvidas e dores dos seus clientes? Para estabelecer diálogos interessantes, saber esse tipo de informação é um diferencial valioso - até para adaptar a linguagem que vai gerar mais proximidade com seu público-alvo. 

Conclusão

O marketing conversacional faz parte das estratégias que entendem o consumidor atual - principalmente a sua busca por conexão com marcas e agilidade nos processos. Agora que você já sabe mais sobre o assunto, que tal implantar essa estratégia no atendimento da sua empresa? 

Basta entrar em contato com a nossa equipe de especialistas, que estão sempre disponíveis para responder todas as suas dúvidas. Para mais conteúdos como esse, continue acompanhando o site e as redes sociais da Suri. Até breve!